Cidadania Italiana, Todos os posts

O que devo fazer primeiro? Traduzir ou Apostilar meus documentos?

05 jan 2018  |  2 comentários

 

 

Você ainda está em dúvida se deve primeiro traduzir ou apostilar os seus documentos para o Reconhecimento da Cidadania Italiana?

Então não deixe de ler esses 4 simples passos que preparamos para te ajudar:

Passo 1

Solicitação aos cartórios

– Peça a emissão das certidões necessárias nos cartórios em formato inteiro teor.  

Passo 2

Apostilamento das certidões

– O apostile, segundo a Convenção de Haia é o ato que confere validade jurídica a um documento em âmbito internacional, isto é, uma documento brasileiro, para que tenha validade na Itália precisa seguir esta formalidade.

Os custos de apostilamento no Brasil variam de R$ 40 a R$ 107 a depender do Estado da federação. Santa Catarina e Brasília são os mais baratos e São Paulo, o mais caro. Você pode apostilar seus documentos em qualquer estado, independente da origem das certidões.

Passo 3

Tradução Juramentada das certidões

– É imprescindível buscar um tradutor juramentado (nós podemos te ajudar!).

Reconhecimento de firma

– Reconhecer a assinatura (firma) do tradutor juramentado

 Passo 4

Apostilamento das traduções juramentadas

– As traduções são feitas por tradutores juramentados no Brasil e portanto é também um documento brasileiro. Para que este documento também tenha validade no exterior, também precisa estar apostilado, da mesma forma que as certidões.

 

DICA INCRÍVEL: Você pode fazer a tradução na Itália, isso isenta você do apostilamento das traduções. Nós oferecemos também esse serviço.

 

 

 

 

 

Aperitivo Italiano: mania nacional
A Festa da Befana